Minhas impressões: Um gosto de vida @SusanMallery @harlequinbrasil

Eu me apaixonei pela capa assim que vi no site da Harlequin... e eu já seguia Susan Mallery no Facebook e em seu blog e no final de semana... Susan conversou comigo pelo Twitter... amo autores atenciosos com seus leitores... isso é cativante...








Sinopse

Existe algo mais doce do que o primeiro amor? Não pergunte para Claire Keyes. Aos 28 anos, ela é considerada um prodígio do piano. Porém, sua carreira de concertista deixou pouco espaço para amigos, parentes e relacionamentos. Claire não visita suas irmãs, Nicole e Jesse, nem a tradicional confeitaria da família há anos. 

Mas agora Nicole está doente e já faz tempo que Jesse desertou. Sem considerar o fato de Claire não saber botar água para ferver, ela está determinada a bancar a dona de casa. Criar laços com as duas irmãs está no topo de sua lista... junto com se apaixonar.

Apesar de ser um homem tão atraente quanto sério, pode ser que Wyatt se encaixe nos planos de Claire. Talvez Claire dê a ele uma chance... e deixe um gostinho de quero mais. Um gosto de vida é o primeiro livro da trilogia As Irmãs Keyes, grande sucesso na carreira de Susan Mallery, uma das autoras de romances de maior sucesso em todo mundo, comparada a Nora Roberts pela Publishers Weekly. 

Um gosto de vidaLançamento
ISBN. 9788539800735 - Categoria Romance
As Irmãs Keyes
Leia um trecho do livro!  
Coleções  ROMANCE
Tema  AS IRMÃS KEYES
Autor  SUSAN MALLERY
Edição  1
Nº de Páginas  320
Formato  14 x 21
Clique para adicionar ao carrinho
Comprar


Visite o hotsite



Minhas impressões

Claire Keyes é uma concertista de piano muito talentosa e famosa... mas Claire foi afastada de sua família desde criança... afastada de sua irmã gêmea Nicole e da irmã delas Jesse ... a caçula... praticamente criada por Nicole... elas perderam a mãe muito cedo e depois da morte do pai... há 7 anos... Claire nunca mais conseguiu contato com as irmãs... até que recebe um telefonema de Jesse pedindo que ela vá até Seattle onde a família Keyes tem uma confeitaria de muito sucesso... porque Nicole vai fazer uma cirurgia e precisa da ajuda de Claire... que viaja de New York para Seattle no dia seguinte... e mesmo com todo o trauma que tem de dirigir aluga um carro e vai do aeroporto até a confeitaria para descobrir em qual hospital Nicole está internada após a cirurgia...

Wyatt é um empreiteiro, pai solteiro... abandonado pela mulher Shanna... que a deixou com a filhinha Amy... um bebê... e ele é um pai amoroso... um amigo devotado a Nicole... ele é meio irmão de Drew o ex-marido de Nicole... mas é também o seu melhor amigo...

A vida de Claire não foi fácil... pois apesar de amar a música... o piano... ela sempre esteve longe da família... no início entre os 6 e os 12 anos... ela tinha a presença da avó ou da mãe... mas um acidente matou a mãe... e o pai e sua agente... Lisa acharam que ela já era bastante madura para viajar sem a companhia de parentes... mas Claire nunca teve amigos... namorados... foram poucos... e sempre sentiu muita falta da família e principalmente de sua irmã gêmea Nicole... por isso ela não pensou duas vezes ao dizer sim a Jesse... mas ao chegar a Seattle... ela se surpreendeu ao perceber que todos que conheciam ou eram amigos de Nicole... a odiavam... inclusive Nicole... que foi rude com ela no início... mas Claire não se demoveu da ideia de ajudar e cativar sua irmã novamente...

Claire e Nicole entre brigas e muita troca de desaforos, principalmente por parte de Nicole... vão se reaproximando e se tornam amigas novamente... e tem  que lidar ou tentar lidar juntas com algumas 'artes' de Jesse...

Claire e Wyatt se encontram na Confeitaria Keyes e ele solta alguns desaforos, pois ele não gostava de Claire por sempre ouvir falar Nicole falando mal dela... e fica se perguntando se ela é falsa e está se mostrando sensível... ou se seria Nicole quem exagerou sobre a irmã... toda vez que Claire e Wyatt se encontram... inclusive neste primeiro encontro... já existe uma faísca que sai apenas de se olharem... do toque dos dedos nas mãos... e os dois... começam um relacionamento de amizade... Claire ajuda com Amy... já que Nicole não está em condições de ajudar... ficando com ela depois da escola... Claire nunca se apaixonou e Wyatt tem um ideia preconcebida que nenhum homem de sua família é feliz em relacionamentos... e os dois começam uma relação (alguns encontros) como se fosse apenas por 'diversão'... mas o destino conspira a favor deles...

A relação de Claire com Amy (a filha de Wyatt) é muito linda... é Amy com seu jeito de criança pura (ela tem 8 anos) que ajuda Claire a ir vencendo o trauma... de uma crise de pânico que acometeu Claire em seu último show... e também ajuda Claire a ir aprendendo gradativamente a cozinhar...

Claire é obstinada... e com sua graça e bondade reconquista as irmãs e conquista para si o que sempre quis.

"Claire observou a cena, sentindo o coração apertado diante da ternura e do cuidado que Wyatt demonstrava. Queria um pouco daquilo para si mesma. Não de Wyatt, mas de alguém. Queria um homem que cuidasse dela, que se preocupasse com ela. Queria amigos e família. Queria uma vida.
E voltara para casa principalmente para encontrar isso." pag 39

O livro é gostoso... fácil de ler... eu o li em apenas 1 dia... divertido, emocionante... eu ri e chorei em várias partes... quem gosta de livros românticos este é um livro que vai fazer você se deliciar...

Adoro livros narrados em terceira pessoa, pois assim podemos saber os sentimentos de todos os envolvidos na história


Citações



"Ele estendeu as chaves de volta a Claire. Ela estendeu a mão para pegá-las e, por um segundo, talvez dois, eles se tocaram. Os dedos dele na palma da mão dela, um breve roçar. Inconsequente. A não ser pela súbita fagulha que provocou.Desgraçada, maldita, pensou Wyatt, com raiva, puxando a mão e enfiando-a no bolso. De jeito nenhum. Ela não. Deus do céu, qualquer uma, menos ela..... Em vez disso, se perguntava por que, de todas as mulheres do mundo, fora com ela que acabara sentindo aquele calor ardente, sexual... " pag 27

"- Não vou me desculpar pela vida que levo. É diferente da sua, mas não tem menos valor por causa disso. Você mudou, Nicole. Lembro-me que você sempre foi zangada, mas não lembro de ter sido maldosa. Quando isso aconteceu?- Saia daqui e vá para o inferno!Claire assentiu.- Estarei no final do corredor, se você precisar de mim." pag 49


"- Agora mesmo, você está aqui tomando conta de mim. Ninguém toma conta de mim.- Sou tão fantástica que deveria ser canonizada - brincou Claire, dando uma risada que estava bem próxima de um soluço. - Quero tomar conta de você.- Eu sei. Você é uma boa pessoa. Uma grande irmã e... - Nicole deu de ombros. - Muito bem. Lá vai. Prepare-se. Eu amo você.- Amo você também - falou Claire, aproximando-se mais para que pudessem se abraçar. - Mal consigo acreditar que finalmente disse isso.- Nem eu." pag 235

"Tarde demais, pensou Claire, enquanto a verdade explodia em seu peito. Já estava em um mundo de dor. Wyatt fora sincero com ela desde o início, e agora estava tentando fazer a coisa certa e tomar conta dela. Não ocorreu a ele que ela queria mais. Queria alguém que se importasse tanto com ela que insistisse para que ficasse, por mais difícil que fosse organizar a logística disso. Alguém que a amasse... Do jeito que ela o amava." pag 265




A série

A Harlequin me informou que até o final do ano... os outros dois livros estarão a venda...

  • Sweet Talk - Um gosto de vida - Claire Keyes
  • Sweet Spot - ainda sem nome no Brasil - Nicole Keys
  • Sweet Trouble - ainda sem nome no Brasil - Jesse Keyes

A autora

Susan Mallery é uma autora americana, vive em Seattle com seu marido e já escreveu mais de 100 histórias - romances para mulheres. Suas narrativas são bem humoradas sobre famílias e amor.


Susan é uma 'fofa' super atenciosa com suas leitoras... veja um reply dela para mim pelo Twitter:



Quero dizer para a Harlequin que continue publicando os livros de Susan Mallery para nós... and talk to Susan:

Thank you Susan for writing books so gracious and create charming characters!



Inspirada pela Gih... estou colocando esta música que Claire toca em um bar de Seattle e que tem tudo a ver com o amor de Claire e Wyatt..








Counting Crows - Accidentally In Love